Carolina Deslandes – Au Revoir Lyrics

Advertisement

Não discutas comigo
A meio do croissant
O petit déjeuner é pra se ter sem drama

Eu quero é um panado no pão
E o petit não sei quê é coisa desta banda

Não foste tu que trocaste Alfama,
pelo charme do Champs Élysées?
E agora que a vida é jolie que sou feliz aqui
Tu afinal Queres o que?

Advertisement

Quero café com cheirinho, quero o olá do vizinho, quero o jornal, as castanhas a voz do Sérgio Godinho
Quero bacalhau à braz, no forno,à Gomes Sá
Quero dormir a sesta deitado no meu sofá
Quero calçada e Sol que deixa a marca da blusa, quero a mão que me acolhe até a mão que me acusa,
Quero voltar e é já, estou preparado pra guerra
Não me tires o mar, não me tires a minha Terra

Viemos de mãos vazias, disseste que era o melhor
Deixei pra trás o que queria, a luta, a terra o amor
Fiz-me mulher à força, fiz da esperança louca,
Parti a saudade como se fosse de louça
Fiz-me inferno na terra, fiz-me inverno às cegas
Fiz tudo o que podia pra seguir as tuas regras

Au revoir se queres ir vais sozinho que eu digo
Au revoir voltar atrás não é fazer caminho

Anda lá voltar pra casa é sempre caminho
Para de falar, sou teu pai ouve-me um bocadinho…

Share your love

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *